Quem é Capela Dombaxi Tepa?


Professor Dr. Capela, é angolano, de nome completo Capela Dombaxi Tepa,  Natural do Noqui, província do Zaire, nascido aos 8 de Setembro de 1951. Estado civil Casado.

Fez a 1ª classe na aldeia de Minguienguie em (1957) e continuou a 2ª classe na escola dos assimilados no Noqui, tendo terminado o ensino primário e o secundário nas escolas St. Eloi e St. Alphonse na província do Baixo Congo (RDC).

É Mestre em Economia de Empresa pela Universidade de Abidjan (Côte-dʹIvoire) e Doutor em Ciências Económicas pela Universidade Panthéon-Sorbonn (França) onde obteve a menção honrosa: DEA Diploma de Estudos Aprofundados).


Dr.Capela Dombaxi  Tepa é Professor titular na Faculdade de Economia da Universidade  Agostinho  Neto (UAN) e na Universidade Lusíada de Angola e coordenador do Mestrado em Gestão na Faculdade  de Economia da UAN entre os anos 2012 e 2013.

Sobre a profissão de professor

IMG_9837

Capela Dombaxi  Tepa (CDT):  Ser professor é a vontade que tinha desde o início da minha formação no ensino secundário. Surge da vontade de ajudar os meus colegas. Foi desta forma que prendi a transmitir os meus conhecimentos aos outros, Isto se tornou o vício desde 1973 até hoje em dia.

Portanto, posso dizer que gênese de lecionar começou com os Padres, eles nos ensinaram metodologia e didáctica para ensinar.

Dificuldades

Toda profissão no início há sempre dificuldade. Dificuldades de interação com o meio volvente, ou seja, as investigações bibliográficas, para a elaboração das aulas,  a administração das aulas, eram as maiores  dificuldades mas no passa de mais ou menos 5 anos consegui superara-las.

Para além de ser Professor, Investigador, Autor de obras, funções Faculdade de Economia  e os cargos governamentais tenho sempre tempo disponível para exercer a actividade de educador com amor.

Quanto a relação Professor- estudante


 

 No processo de ensino tem de existir boa relação entre o professor e aluno, ou seja, ambos têm de coabitar. O professor precisa do aluno e o aluno precisa do professor. todos os meus trabalho de investigação são feitos em colaboração com os estudantes, tem de existir interligação, uma vez que, o professor aprende  também com o estudante.

A transmissão do conhecimento não deve ser unilateral. A relação deve ser bilateral, porque facilita  a recepção dos conhecimentos por parte dos estudantes.

A recepção dos estudantes ajuda a resolução dos exercícios que o professor dá e a resolução facilita a compreensão do professor que os estuantes estão em sintonia com o que o professor está a transmitir, por se tratar de ensino, a pedagogia é fundamental por parte do professor.

Maior dificuldade na relação com os alunos

IMG_9822

 Quando se utiliza todos os melhores métodos da pedagogia para transmitir e o estudante não tem a capacidade de receber e discernir o que lhe é passado, é uma das grandes dificuldades que encontramos sobretudo com os nossos estudantes.

Os alunos que  levantam constantemente para atender os telefonemas, as conversas em grupo estudantes que não gostam de fazer os exercícios ou tarefas que lhes é incumbida são elementos muito negativos. Isto esta na origem, em alguns casos, dessa fraca percepção de conteúdos.

Porque lecciono uma cadeira prática eu incentivo os meus estudantes a fazer os exercícios porque é com exercícios que o estudante aprende e não com teorias, nas minhas aulas todos os dias eu dou exercícios para eles exercitarem.

Valores a transmitir nas aulas


 

IMG_9837

Durante as minhas aulas falo diferentes temas principalmente de valores morais. Como o estudante deve comportar-se e, sendo cristão, digo a eles certas passagens bíblicas transformando a bíblia na actividade do estudante “quando digo ao estudante, preparai-vos  isso  não  quer  dizer  que é só  o reino do Céu  está  chegar mas  também as provas  estão a chegar.  Quando  o Reino do Céu  chegar quem se  preparou bem  e acreditou  em  Jesus fez bom trabalho vai ao Céu ou ao paraíso é  não serão julgados e os que fizeram  o inverso serão julgados e vão todos ao inferno” É a mesma coisa que acontece na escola,  sobretudo,   no momento das provas.

Quem se preparou e estudou bem fará uma boa prova, vai ser feliz, terá bom resultado, terá sucesso na vida, terá bom emprego e quem não estudou vai “chorar”, não vai passar.É dessa forma que interpreto a bíblia e introduzindo com a vida do estudante é para mostrar que temos de nos preparar em tudo “aconteceu com aquelas mulheres que esperaram os noivos com as lâmpadas,  as que não  tinham lâmpadas não conseguiram bons noivos” quero dizer com o isso que a luz do estudante é estudar ou a  lâmpada do estudante é estudar e assim não se tem muita dificuldade na escola o segredo de tudo é estudar.

Com estudantes menos participativosO que faz com eles?


 

IMG_9834

Quando há estudantes menos participativos, intercalo para entender melhor com ajuda do colega. Todo estudante passa ao quadro para fazer os exercícios porque  na verdade é com  os erros que se aprende.

Factos mais marcantes da sua vida docente

Os factos mais marcantes durante a carreira, primeiro consiste em ouvir minhas obras sendo sugeridas trabalhos de pesquisa, o lançamento de uma obra científica e o lançamento de um livro é muito relevante e glorificante para um investigador do meu nível. Tenho grande preocupação,  no que diz respeito, a investigação e publicação. 

Projetos para o futuro


 

IMG_9826No entanto, estamos a criar uma editora para editar os livros a custo baixo isso para facilitar os editores, os  escritores e investigadores  angolanos. Com especial atensão para aqueles que não têm meios financeiros para satisfazer os seus desejos ou contactar uma editora. Nós podemos facilitar.

Para ser um bom professor e para quem está a começar deve ler muito, estudar muito, não deve ser professor dos estudantes, deve ser, ele proprio, primeiro  estudante.

Eu dou aulas desde 1973 mas até hoje estou a estudar ainda não conheço todos os pontos da minha formação, estou a escrever livros continuo a estudar isso é para mostrar  que a ciência não tem fim  ela é vasta temos de conhecer.

A contabilidade   é única mas com varias especializações temos  a analítica, a nacional,  a  intelectual, a agrícola,  do ambiente, a comercial… o professor  deve ser estudante,  quando  te colocas no lugar do estudante, resolves os exercíios  e estes quando são passados  pelos  estudantes eles percebem  muito bem. Quando te colocas no lugar de professor  sendo  professor em que só tu dás os exercícios não vês as dificuldades não estarás  a transmitir muito bem e os estudantes acabam  não entendendo nada.

Quem ensina não pode ser corrupto, quando falo de corrupção não estou a me referir de só ao dinheiro. É ser muito frágil em dar nota ou lugar nos estudantes que não merecem, pedir coisas ao estudante  demonstra mau carácter e também suja a imagem do próprio professor, o professor deve ser amigo do aluno é a mesma amizade  Pai e Filho “quando o filho comete um erro o pai o corrige”  essa é a amizade que deve existir  entre os dois onde o pai que ver o filho bem e vice-versa.

Algum saldo positivo entre o que doa e o recebe dos seus alunos?

As minhas obras publicadas é fruto dos meus discentes, os exercícios que lá estão, foram os meus estudantes que resolveram e eu penso que há um feedback positivo e sobretudo os estudantes da Universidade Lusíada, Agostinho Neto e os estudantes do Huambo  a contribuição desses estudantes no livro é muito valioso. Por isso é que digo sempre que o professor tem de ser estudante.

Conselho aos estudantes


IMG_9841

Aconselho a todos os estudantes a estudarem todos os dias, quem estuda todos os dias não anda atrás dos professores, quem estuda todos os dias, não procura emprego, quem  estuda  todos os dias, não tem dificuldades de nota, quem estuda todos os dias é o melhor aluno da sala é o melhor estudante da Escola.  O melhor estudante não é aquele tirar 20/20, o cabulador também tirar  20/20. O melhor estudante é aquele que mostra dentro da sala que sabe, vai a biblioteca, tem boas notas. Esses normalmente tem apoios dos professores.

Uma palavra para o Centro de Ajuda Académica

O trabalho do homem não deve ser analisado pelas substâncias utilizada, mas sobretudo, pela importância do valor acrescentado na ciência.

Comentários

  • Julieta
    Responder

    Este ė o nosso grande Dr Capela . Hoje sou formada em contabilidade e agradeço a ele .o dos docentes que muito admiro. Dificuldade alunos.

Deixar uma resposta